11.2.09

Jazz na favela

Vamos na favela? Foi assim que o convite foi feito para conhecer um projeto inusitado que anda acontecendo na cidade maravilhosa: jazz numa favela do Catete, aquela que tem o BOPE no alto do morro e onde foram gravadas cenas do filme Hulk e de novelas da TV Record.

O projeto é de um gringo que resolveu construir entre as vielas estreitas e humildes um albergue que atraísse os curiosos pela vida no morro. Como ele possui uma banda de jazz com seus amigos, por que não construir ali um espaço para suas apresentações com vista para a Baía de Guanabara e o Pão de Açúcar?

Muito legal a primeira vista, né? Jazz? Vista incrível e num lugar super diferente? Adorei a idéia! Topei na hora! Mas para minha surpresa o local não oferecia nenhuma estrutura de refrigeração. Por favor!!! É o mínimo que um local desse deveria oferecer em pleno verão carioca. Nem um ventilador de teto e com a casa lotada... E ainda tem mais: cerveja por R$ 7,00 (a garrafa)?? Mas eu não estou numa favela??

O público é majoritariamente de jovens de classe média que com certeza não estão nem aí para o jazz que ecoa, o interessante é a favela. Se o jazz realmente fizesse diferença acredito que lugares como o Mistura Fina estaria melhor das pernas.

A banda realmente é boa, o lugar tem uma vista digna de cartão postal e a oportunidade de conhecer uma favela de verdade sem precisar ouvir funk ou pagode a noite toda. Valeu a pena.


Onde: Pegue uma kombi (R$ 2,00) na esquina das ruas Bento Lisboa com a Tavares Bastos e siga até o ponto final. Depois é só entrar na primeira viela a direita e seguir em frente.
Preço: R$ 10 de entrada (não aceitam cartões de débito ou crédito)

3 comentários:

  1. Quando colocarem o ar condicionado eu vou!!

    ResponderExcluir
  2. Meio caminho andado. Já colocaram ventiladores.

    ResponderExcluir
  3. O lugar é incrível, visitei ontem e fiquei apaixonada!!!!!

    ResponderExcluir